Casamento

Taís e Deividy

O dia parecia que ia desabar, maaas, São Pedro deu aquela forcinha

e esperou o casório acabar pra deiaxr o céu cair.


Quando me encontrei pela primeira vez com a Taís e o Deividy

uma semana antes do casamento, numa sexta feira, sentamos num barzinho,

pedimos um chopp (ninguém é de ferro, kkk) e conversamos bastante !

Acho muito importante essa conversa informal com as pessoas que fotografo.

Me conhecer sem a câmera aumenta ainda mais a afinidade !

Taís chorou pelo menos umas 3 vezes durante nossa conversa,

pra depois a Kathelen (cunhada e mente criminosa por trás das organizações do casamento )

me contar que nunca viu ela chorar, e ainda completou que ela tinha o coração de Ferro..kkkk.

 Eu devo ter conhecido outra Taís.

Me explicaram tudo que tinham planejado para o dia deles.

E a gente sempre aprende algo. O amor é mais simples que imaginamos, né ?!

Enquanto escutava, fui imaginando e aumentando minha ansiedade.

E aí, chegou o dia !

Verônica (minha câmera) preparada !

Em uma conversa com o Deividy, ele me falou sobre os votos, e me disse

que estava tranquilo, sossegado, não tinha escrito nada e ía deixar o

coração falar..

Eis que ele começa..

É, igual eu tinha falado pro João, achei que ia ser fácil falar.. kkkk

mas se saiu muito bem, e com toda certeza todo mundo que estava no local

se emocionou e se sentiu muito feliz de presenciar esse momento dos dois.

Taís com toda sua calma deixou as palavras saírem devagar..

parece que já sabia o que falaria há muito tempo atrás, e veio guardando

consigo, como quem vai chupando uma bala e mantendo na boca pra permanecer o doce.


Com certeza deixaram um pouco de vocês comigo !

E quero me lembrar sempre deste dia !


É aquele amor heróico, em que bravamente o rapaz beija a irmã do melhor amigo, 

colocando a própria vida em risco, kkkk.


Foi uma felicidade muito grande fazer parte desse momento de vocês.
Obrigado mais uma vez !